• Maurino Veiga

Tendência cultural nas organizações e mudanças urgentes!

As empresas estão enfrentando uma grande mudança no cenário cultural, pois, novas gerações de profissionais possuem uma visão diferente de trabalho, o que fomenta grande transformação e reviravolta nas empresas. O que os jovens talentos estão buscando? Cabe às empresas e ao RH Estratégico adaptar-se rapidamente à nova cultura!


Uma das questões relevantes para uma empresa que está de olho no futuro é manter seus talentos, porém, profissionais mais jovens, buscam propósitos e desafios a todo momento e sua compensação de trabalho não é financeira! A cultura positiva está relacionada com o RH Estratégico e poderá fazer com que eles permaneçam mais tempo na companhia!


A cultura positiva é promovida a partir da alta liderança, mas seu entendimento e transmissão para os demais colaboradores deve ser vivido por cada gestor, cada diretor, cada gerente, cada líder. Não existe possibilidade da cultura positiva ser implantada apenas pela fala em reuniões, pois, a teoria por si só, já deixou de ter valor há muito tempo! A transformação cultural consiste na prática de atitudes que envolvem toda a equipe gestora – cada decisão tomada vem somada de ações e de uma fala que está associada ao comportamento.


A transformação de cultura passa por estágios de aprendizado constantes, e, para isso é preciso estar com a mente aberta, além de querer promover mudanças de pensamento "mindset". Percebe-se que toda a liderança e gestão organizacional devem estar alinhados com este pensamento. O engajamento na mudança de cultura deve ser de 100% dos líderes! E, há de se pensar que num processo de mudança de cultura dentro de uma empresa, a diretoria deve estar preparada e entender que será necessário fazer substituições no seu quadro de líderes para que a mudança funcione.


Todo colaborador influenciador deverá estar alinhado com a cultura positiva e vivendo-a verdadeiramente! Nessa linha de pensamento compreende-se que as competências pessoais são mais importantes do que as competências técnicas. E é nesse sentido que acontecerão as novas contratações!


Toda pessoa disposta e aberta a esta mudança continuará membro da organização, mas haverá sinais de que a mudança de cultura é um inconveniente e essa postura não deverá ser tolerada dentro da equipe. Nesse novo cenário, a mudança é drástica nos processos seletivos: Boas contratações são aquelas com predisposição aos valores da empresa!

A transformação cultural gera resultados impressionantes, como funcionários engajados, satisfeitos, produtivos, bem como, diminui o absenteísmo, diminui o estresse, além de equipes com melhores resultados e desempenho em vendas, atendimento ao cliente, marketing, serviços administrativos... Toda a empresa passa por uma grande transformação em todos os seus departamentos e divisões!!


Você quer inovar em sua empresa? Então comece pela transformação cultural, você verá resultados surpreendentes! E, ousadamente pode-se dizer que para mudar a cultura de uma empresa é preciso mudar a própria vida, numa perspectiva de conduta e valores.


Fernanda Souza

(41) 2106-6870

©2018 by Instituto Maurino Veiga