BLOG Maurino Veiga

Compartilhando conhecimentos e uma boa leitura.

06 out

Liderança Assertiva: 7 princípios de coaching para gerar resultados

Coaching e Mentoring No Response

Sejamos honestos. Ser um grande líder não é fácil, muito menos ser um que seja inspirador, eficaz e respeitado na empresa. A boa notícia é que compilamos esta lista com dicas importantes de liderança assertiva, para ajudar você a trabalhar com princípios de coaching e gerir o seu negócio da melhor forma.

Alguns são relativamente básicos, mas não menos importantes. Continue a leitura e confira agora alguns princípios de coaching para gerar resultados e desenvolva essas orientações!

1. Seja um exemplo para a sua equipe

Liderar pelo exemplo parece fácil, mas poucos líderes são consistentes nessa etapa. Líderes bem-sucedidos praticam o que pregam e estão conscientes de suas ações.

Esses líderes, inclusive, sabem que todos o observam. Portanto, são incrivelmente intuitivos para detectar aqueles que estão acompanhando todos os seus movimentos e aguardando uma queda de desempenho.

2. Seja um verdadeiro líder provedor

No livro “O Monge e o Executivo”, o autor James Hunter nos ensina uma lição muito importante: as pessoas só verão você como um verdadeiro líder se houver motivo para que elas façam isso. Não se engane: o melhor motivo que pode ser ofertado é o de prover algo relevante para elas.

Quando um líder provedor se compromete a ofertar algo sem pedir nada em troca, acaba ganhando muito mais do que se tivesse pedido. Então, para que você possa prover valor, forneça antes uma boa companhia, boas oportunidades de diversão, etc.

3. Procure encontrar o melhor em cada pessoa

Uma liderança assertiva deve motivar a equipe a doar o seu melhor. Também deve reconhecer o trabalho e os esforços de cada indivíduo. Afinal, o reconhecimento é uma excelente ferramenta de estímulo.

Então, como líder do grupo, busque sempre reconhecer o que cada pessoa tem de melhor, estimule essa habilidade e faça com que os colaboradores valorizem o papel que têm na organização.

4. Seja proativo para uma liderança assertiva

É muito fácil traçar o conceito de proatividade: é a “responsabilização e antecipação das ações impostas pelo meio”. Em outras palavras, proatividade é não esperar que outra pessoa comece a fazer para, então, você tomar a iniciativa.

Significa também tomar uma atitude a partir dessas iniciativas e procurar motivar as pessoas.

5. Tome decisões em prol de todo o grupo

Infelizmente, muitos pensam que basta sair tomando qualquer decisão para poder ser visto como um líder. Mas a grande sacada é tomar decisões sempre visando um bem maior (ou seja, o bem do grupo) e não pensar somente em si mesmo (um grande erro de alguns líderes).

Portanto, a função do líder é tomar decisões que tragam consequências benéficas para a equipe. É preciso que esse conceito esteja enraizado na sua mente, para que você tenha uma liderança assertiva e eficaz.

6. Não rotule os indivíduos

Se você busca uma liderança assertiva, é preciso perder o hábito de atribuir rótulos para os outros e, especialmente, para si mesmo. Isso inclui o próprio rótulo de ser um líder.

Papéis são facilmente revogados e invertidos. Por isso, fuja do risco de se ver embriagado com o poder da liderança. O título não é a sua identidade e suas ações contam muito mais do que nomeações e etiquetas.

7. Identifique se a liderança assertiva está sendo aplicada

Como podemos compreender até aqui, a assertividade é uma característica comportamental de grande importância para criar um bom relacionamento interpessoal, tanto no ambiente de trabalho como na vida cotidiana.

Por isso, tão importante quanto conhecer a liderança assertiva na teoria, é garantir que ela esteja sendo aplicada na prática. Mas afinal, como identificar isso? Confira algumas formas de descobrir se a assertividade faz parte de seu portfólio de habilidades gerenciais:

Você se comunica com clareza e objetividade?

Duas coisas essenciais na assertividade são a clareza e a objetividade. Ser assertivo significa que você é alguém que não fica dando voltas na hora de dar uma opinião. Simplesmente, vai direto ao ponto com transparência e sem perder o tato.

Pessoas assertivas são aquelas que são sinceras em sua forma de agir e de falar, sem medo e sem inibições. Além disso, outro ponto importante a manter é a clareza, comunicando-se de maneira que não deixe dúvidas.

Você enfrenta problemas ou enfrenta pessoas?

Muitas pessoas cometem o erro de querer enfrentar as pessoas, criando conflitos no ambiente de trabalho e acabam minando suas relações interpessoais. Mas quem é assertivo, não.

Quem é assertivo, enfrenta os problemas e as crises de frente, com um posicionamento decidido e convincente. Focado nos fatos e ações, e não no agente do fato. Isso mantém os relacionamentos saudáveis, torna a solução de problemas mais ágil e eficiente e melhora o ambiente de trabalho.

Você faz seu direito valer sem negar o direito dos outros?

Um líder assertivo também é um líder respeitoso, que jamais vai invadir o limite do outro. É importante fazer seu direito valer, desde que o direito alheio não seja negado.

O senso de aceitação é algo que norteia a assertividade. Por isso, é muito importante ser livre de preconceitos, além de saber ouvir e dar valor à opinião dos outros membros da sua equipe.

Numa liderança assertiva aplicada, você certamente compreenderá que todos da equipe podem contribuir de alguma forma. Se você pensar que somente você tem esse direito, que só você tem razão e potencial, estará cometendo um grave erro.

Você enxerga os conflitos como algo natural e construtivo?

Um dia, os conflitos podem surgir. Por isso, para ser assertivo, um líder deve enxergá-los como algo natural e, até mesmo, construtivo.

De que adianta se desesperar perante um problema ou crise? O certo a fazer, nesse momento, é encará-lo com naturalidade, procurar uma solução — não o culpado — e tomar isso como experiência.

Você consegue acompanhar seu desempenho como líder?

Um líder assertivo, que respeite e leve em consideração a opinião de sua equipe, que dê a seus membros a oportunidade de falar, consegue ter uma noção muito mais clara de seu próprio desempenho.

Isso pode acontecer, se você adotar o feedback 360 graus, que é muito mais amplo que os demais modelos de feedback que vemos por aí. No feedback 360 graus, cada colaborador, inclusive você, tem a oportunidade de receber um feedback de seu desempenho a partir da visão de seu supervisor, de seus colegas de trabalho, de seus subordinados e de seus clientes.

Não existe aquela história de receber feedback somente de cima, mas, sim, de absolutamente todos que convivem com você no trabalho!

Para alcançar uma liderança assertiva, é preciso muita dedicação à equipe. Além disso, um bom desempenho como líder, muitas vezes, depende de um correto direcionamento da carreira e das ações do profissional.

Você conhece outras pessoas que poderiam se interessar por esse conteúdo? Então, que tal compartilhar este post nas suas redes sociais para que elas possam aprender sobre a importância da liderança assertiva?

Conte conosco, para colocar você e a sua empresa no mais alto nível de excelência e resultados!

 


2 Comments

Would you like to join the discussion? Feel free to contribute!

Write a Reply or Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

É possível administ… 29 de setembro de 2017 e-possivel-administrar-o-tempo.jpeg 5-caracteristicas-que-mostram-a-diferenca-entre-chefe-e-lider.jpeg 5 características qu… 11 de outubro de 2017